A Cultura Polonesa - Eslava
Foto:Culturartepolonesa.
Foto:Culturartepolonesa.
Foto:Culturartepolonesa.
Foto:Culturartepolonesa.
culturartepolonesa   

                                   A Cultura Polonesa - Colônia Dom Pedro II

 

       

       Nas colônias polonesas do Paraná, desde o período da emigração europeia polonesa, final do século XIX e início do século XX, a cultura foi se inserindo e se manteve enraizada, resultante da história cultural dos ancestrais da Polônia.

                          A cultura é herança transmitida de uma geração a outra [...]. Os membros de uma civilização compartilham códigos de comunicação.

                               Seus hábitos cotidianos são similares. Eles têm em comum um estoque de técnicas de produção e de procedimentos de regulação

                               social que asseguram a  sobrevivência e a reprodução do grupo. Aderem aos mesmos valores, justificados por uma filosofia, uma

                              ideologia ou uma religião compartilhadas, e que caracterizam a identidade cultural, (CLAVAL,2001,p. 63).

 

      No Paraná, nas Colonias Polonesas, a cultura polonesa se manteve representada pela Cultura Eslava, com diversas tradições, costumes, religião, festas culturais, o modo de vida, alimentação, trabalho no campo e doméstico, as habitações,  a organização social, o patrimônio material e imaterial, o que contribuiu para caracterizar a identidade cultural dessa etnia nas diferentes regiões do Paraná e em outros estados do Brasil.

      Na Colônia Dom Pedro II, desde o período da imigração europeia, polonesa -1876, as manifestações culturais polonesas foram se inserindo e se expressam pela língua, pela religião, folclore, pelos trajes típicos, na música polonesa, na alimentação típica, pelas moradias típicas e arquitetura, pela tradição polonesa, na memória histórica da imigração polonesa, pelos saberes, no patrimônio material e imaterial, caracterizando a identidade cultural dessa etnia na região.

     As manifestações culturais dos antepassados  foram repassadas por gerações, perpassando o final do século XIX, o século XX e XXI, que, embora haja influencias ocasionadas pelas transformações sócio político, econômicas e da globalização, no entanto, ainda se mantém presente na vida de muitos poloneses tanto na Colônia Dom Pedro II/Campo Largo/PR como nas muitas colonias polonesas do Paraná.  

   

   

  Conteúdo extraído da pesquisa descrita na Dissertação de Mestrado: Em conteúdos, (citações em estudos e pesquisas),  favor referenciar sob consulta de autoresLink para Dissertação : Link -  CT_PPGTE_M_Sikora, Mafalda Ales_2014.pdf

 

  Referencia:

  SIKORA, Mafalda Ales. As políticas de imigração no Brasil nos séculos XIX e XX e o desenvolvimento de territórios: Estudo de Caso da Colônia Dom Pedro II - (Campo Largo – Paraná) 2014. 210 f. Dissertação (Mestrado em Tecnologia) – Programa de Pós-Graduação em Tecnologia, Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Curitiba, 2014.  

Publicação e fotos de: Mafalda Ales Sikora

© 2015 por Culturarte.polonesa. Orgulhosamente criado com Wix.com