Artes - Bordados Poloneses

Culturartepolonesa 
Culturartepolonesa 

Bordados  

       Com a imigração polonesa ao Paraná e à Colônia Dom Pedro II (1876), o trabalho da mulher se caracterizava pela variedade de atividades. Na decoração da casa, os bordados expressavam as belezas da cultura polonesa, realizado pelas mulheres, um costume trazido pelos imigrantes poloneses. Porém as técnicas dos bordados na Europa se originaram desde a Idade. E na Polônia os bordados se evidenciam desde os séculos passados.

        O bordado é uma forma de criar desenhos e figuras em um tecido, utilizando as mãos ou a máquina, com ajuda de agulhas e fios para obter o bordado desejado. Realizavam trabalhos de bordados a mão, em peças de cama, mesa, tapetes e vestuário. No vestuário os bordados se destacam nos trajes folclóricos, identificados conforme a região da Polônia. 

 

     Bordados em tecido - Haftowanie

     Nas colônias, as mulheres realizavam trabalhos de bordados a mão, em tecido. Faziam bordados em toalhas de mesa, roupa de cama, toalhas de mão, panos de copa, tapeçaria, lenço de cabeça e lenços de bolsa. Usavam várias técnicas para bordados, entre os pontos comuns bordavam o ponto cheio, o ponto cruz e também o vagonite, tipo de bordado mais reto. Na maioria se constituíam em bordados com motivos florais, aves, animais e natureza. E em toalhas bordadas faziam acabamento diversos, como franjas de amarração em nó ou tipo brólia e macrame. 

 

     Pano de Parede - Kodry

     Os Panos de Parede eram confeccionados e bordados com motivos florais, cenas de vida na colônia, do trabalho, animais e pessoas, sendo que alguns eram complementados por temas e frases de paz, amor e família. Era muito popular usado pelos nossos antepassados. Geralmente eram colocados nas paredes entre as janelas e a porta nas casas nas colônias polonesas. Na Colônia Dom Pedro II esse costume permaneceu até a década de 1980.

Publicação e fotos de: Mafalda Ales Sikora

© 2015 por Culturarte.polonesa. Orgulhosamente criado com Wix.com